Serão os podcasts o futuro do radialismo?

sexta-feira, agosto 10, 2018

Talvez alguns de vocês não saibam, mas sou técnica em rádio e televisão. Isso não significa muita coisa, pois nunca trabalhei na área, mas cresci com um pai radialista em uma família que ouve rádio todos os dias. Porém, nunca fui muito fã desse meio de comunicação.
Não me leve a mal, eu acho rádio algo incrível. Adorei a experiência de ter cursado algo relacionado a área, e não nego a importância que esse meio tem no âmbito da comunicação. O rádio tem um alcance que vai além de outras mídias: você pode ouvi-lo no carro enquanto dirige, e obter informação por meio de ondas mais rápidas que a televisão. Porém, é inegável que o público que ouve rádio tem diminuído. Muitas empresas fecharam nos últimos anos, emissoras foram diluídas, e a audiência está cada vez mais baixa. Então surge a pergunta: o radialismo está chegando ao seu fim?


Muita gente botou fé na internet como futuro do rádio. Várias emissoras tem rádios web, algumas transmitem os seus programas no Facebook, etc. Entretanto, ainda assim o alcance não tem sido dos mais grandiosos. Mas algo que tem ganhado força nos últimos dois anos são os Podcasts, e acho interessante ficar de olho neles quando o assunto é radialismo.


Um Podcast é um arquivo de áudio, normalmente gravado num formato de programa, dividido em episódios e disponibilizado na internet. Qualquer pessoa pode criar um podcast. Entretanto, diversas empresas tem se dedicado a essa prática, tendo inclusive grandes emissoras do Brasil como a Folha e a Globo desenvolvido os seus próprios podcasts. Outras empresas, como a Parcast, se dedicam inteiramente à produção desse tipo de conteúdo. 
Para criar um podcast de qualidade, são necessárias algumas habilidades. Habilidades essas que um radialista costuma ter. O podcast não é restrito a esse tipo de profissional, entretanto é um campo para a profissão: afinal, sua produção demanda conhecimento sobre gravação e edição de áudio, produção de texto, etc. 
Como radialista de formação, vejo o podcast como uma possibilidade. Possibilidade não apenas de atuação profissional, mas também de reaproximação do público para com a comunicação via áudio. É claro que há algumas diferenças entre o rádio e o podcast. Porém, cada um tem suas vantagens sobre outros meios: o rádio mantém a sua velocidade na informação, que pode ser ouvida em tempo real em qualquer lugar; e o podcast, pode ser ouvido sob demanda. É só escolher o conteúdo que quer ouvir e dar play.

O QUE DIZ O PÚBLICO

Pra tornar esse post mais interessante, resolvi ouvir um pouco a opinião de outros ouvintes de podcasts. Perguntei no grupo da minha faculdade se a galera ouvia podcasts, e fiquei surpresa em saber que tanta gente lá curte esse tipo de conteúdo. O de longe mais comentado foi o Nerdcast, produzido pelo pessoal do Jovem Nerd (inclusive estou ouvindo um episódio deles enquanto escrevo esse post, sobre a série Black Mirror). Mas também conheci alguns novos podcasts em meio aos comentários do pessoal, como o Mamilos, que traz temas relevantes sobre e para mulheres, e o 45 minutos, que é produzido pelo pessoal do jornal Diário de Pernambuco e fala sobre futebol. 
Também conversei com o pessoal da faculdade sobre quando eles costumam ouvir podcasts. No meu caso, ouço muito quando estou lavando o cabelo ou fazendo faxina. A maioria das pessoas me contou que ouve quando está no ônibus ou a caminho de algum lugar, mas teve relatos de gente que escuta enquanto pinta o cabelo ou mesmo nas horas mais chatas do trabalho.
Conversando com esse público ouvinte de podcasts, pude sentir ainda mais a versatilidade que esse meio tem. Dá pra encontrar podcasts sobre diversas temáticas e que agradem os mais diversos públicos, além de possibilitar acesso ao conteúdo em qualquer lugar.


E você, ouve podcasts? O que acha desse tipo de conteúdo? Me conta nos comentários sobre a sua experiência com eles, e compartilha a sua opinião sobre os podcasts serem o futuro do radialismo.

Em breve pretendo falar mais sobre essa temática por aqui! 

Posts Relacionados

15 comentários

  1. Amara Régia10/08/2018 20:33

    Muito interessante isto de podcast.Mas como apaixonada por rádio acho que dá para conciliar os dois em momentos diferentes. Mas enquanto existir, o rádio será meu preferido ��♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. São amantes do rádio como você que mantém ele vivo <3 Também acho que dá pra conciliar os dois!

      Excluir
  2. Podcasts mudaram minha rotina totalmente, antes quando eu não ouvia musica nas caminhadas e nos ônibus da vida, eu sentia que tava faltando algo pra ajudar a passar o tempo, ao menos com podcasts eu me sinto como se estivesse conversando com alguém, e sempre é uma conversa legal(claro, é um assunto que você escolheu quando fez o download).
    Enfim, começo meu dia sempre com um podcast de tecnologia que conta as novidades de tecnologia, e escuto um ou 2 nerdcasts durante a minha jornada diária.
    E como sempre adorei o seu post, parabéns :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico muito feliz que você tenha gostado! Quando ouço podcasts também sinto como se estivesse conversando com alguém, haha

      Excluir
  3. Confesso que eu não tinha muito interesse em podcasts até um mês atrás. Comecei a ir atrás de podcasts gringos de assuntos que eu gosto para treinar meu inglês e agora estou viciada. Costumo ouvir quando já estou deitada, antes de dormir. Acho que é um horário que consigo prestar bastante atenção. Estou gostando bastante, é um tipo de mídia diferente que estou consumindo!

    Beijos <3

    Blog Madamices

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Foi mais ou menos assim que comecei a ouvir podcasts também, Gabriella! O fato de o Spotify oferecer esse recurso também me influenciou bastante. Ouvir esse tipo de mídia em outro idioma ajuda bastante no aprendizado mesmo!

      Excluir
  4. Eu juro que estava pensando exatamente nisso essa semana, acredito MUITO que serão! Eu mesma sempre estou por dentro de novos podcasts do meu interesse!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho massa ver o tanto de gente que tem começado a ouvir podcasts!

      Excluir
  5. Não costumo ouvir podcasts, porém esse ano conheci alguns bem interessantes que me fizerem reavaliar um pouco sobre o assunto, mas ainda não é algo da minha rotina. Acredito que aos poucos eles estão ganhando espaço e podem sim ser uma nova área dentro do radialismo a ser explorada, mas não algo que venha substitui-lo, pelo menos não por enquanto.

    Blog Profano Feminino

    ResponderExcluir
  6. Eu tenho uma amiga que está investindo em podcasts... acho que só ouvi os dela, por incrível que pareça... Eu confesso que sinto falta de ouvir rádio, daqueles programas legais que tinham durante o dia... mas a rádio que eu mais gostava fechou as portas... =/ Talvez seja mesmo o futuro do radialismo investir em podcasts... mas não sei se eu me acostumaria com isso... Bjks!

    http://mundinhodahanna.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Olha, pelo seu post e pelo que tenho visto por aí, acredito que não seja o futuro radialismo, mas será um futuro beeem próximo. Podcasts são práticos, você pode escutar em qualquer lugar com fone de ouvido, e diferente dos vídeos você não precisa ficar olhando a tela. Eu mesma sou muito adepta aos podcasts, principalmente o NerdCast e podcasts jurídicos.

    ResponderExcluir
  8. Nunca ouvi podcast! Prefiro ouvir músicas, e quando quero saber de alguma notícia prefiro ler no Uol ou BBC Brasil ^-^

    ResponderExcluir
  9. Confesso que ainda ouço mais radio do que podecasts, mesmo ambos sendo raros. Acho que principalmente para o pessoal mais jovem a internet virou o principal meio de comunicação. Acho que eu ainda prefiro os radios que transmitem via facebook do que os podcasts :)

    ResponderExcluir
  10. Nunca ouvi nenhum podcast, mas tenho vontade. O rádio está presente na minha vida desde sempre, pois minha mãe adora. Fico até nostálgica lembrando das noites com músicas antigas, eu brincando e minha mãe escutando hehe. De certa forma, acho essa "extinção" do rádio e da televisão boa, pois as coisas evoluem. Vai chegar um dia em que que o rádio e a televisão vão se tornar "cults", como as fitas e os discos :p
    Adorei o post! beijos.

    ResponderExcluir
  11. Realmente os rádios estão perdendo audiência, acho o podcast bacana por parecer que tem um público grande. Em muitos sites que entro vejo indicação de podcasts, e apesar de nunca ter escutado nenhum, acredito que seja algo que está crescendo.

    ResponderExcluir

Pinterest